Novo recurso do WhatsApp coloca notificações sempre no topo; veja como usar

20160830101905_660_420

O WhatsApp Beta recebeu mais uma atualização que trouxe consigo um novo recurso para os usuários que gostariam que as notificações do app estivessem sempre em destaque no seu celular. A nova função define prioridade máxima aos alertas do WhatsApp, o que faz com que elas sempre estejam no topo.

A novidade foi notada pelo site WABetaInfo, disponível para os usuários do Beta do aplicativo que já estão utilizando a versão 2.18.117 do WhatsApp. A função está disponível para todos que têm um celular Android rodando a versão 5.0 (Lollipop) do sistema, ou superior. Se você não está rodando a versão beta, veja como se registrar neste link, ou então espere um pouco mais até o recurso chegar até a versão final.

O novo sistema é bastante granular. Você pode ativá-lo para todos os chats individuais, ou para todos os chats em grupo, mas também é possível ativá-lo especificamente para algum contato ou grupo específico.

Vale notar também que se outros aplicativos também adotarem um recurso de alta prioridade para suas notificações, aquele que teve a prioridade definida mais recentemente terá mais destaque.

Para ativar para todas as conversas e grupos

1. Na janela “Conversas”, toque nos três pontinhos e acesse “Configurações”

2. Entre em “Notificações”

3. Ative a opção “Usar notificações de alta prioridade”

4. Desça um pouco mais a página e ative novamente “Usar notificações de alta prioridade” para ligar o recurso para grupos

Reprodução

 

Para ativar para uma conversa ou grupo específico

1. Abra a janela relacionada à pessoa ou grupo que você quer destacar

2. Toque no ícone dos três pontos e entre em “Ver contato” ou “Dados do grupo”

Reprodução

3. Acesse “Notificações personalizadas”

Reprodução

4. Ative a opção “Personalizar” e ligue o recurso “Usar notificações de alta prioridade”

Reprodução

Você também pode utilizar essa opção para desligar a notificação de alta prioridade para um contato ou grupo específico se você já ativou o recurso para todos os contatos.

 

Fonte: Olhar Digital

Anúncios

Novo chipset da Qualcomm permite que carros se comuniquem com tudo

Agora já dá para dizer, sem sombra de dúvidas, que o futuro dos automóveis está a caminho. Se você pensou em carros autônomos, pensou certo. Mas, antes de chegar a esse estágio, outras etapas precisam ser percorridas. E aprincipal delas é a que leva à troca de informação entre os automóveis e outros elementos em volta dele. Ou seja, antes que o projeto de carros completamente sem motoristas se torne realidade, é preciso conectar de verdade os automóveis.

Ainda nesse ano de 2018, um importante passo será dado nessa direção. A Qualcomm líder mundial em soluções de Telemática com mais de 30 anos de experiência em sistemas celulares vai disponibilizar a primeira solução C-V2X do mercado. Ele pode significar o começo da era dos carros que se comunicam com tudo.

Mas, por que isso é tão importante e como alcançar essa conexão instantânea e permanente entre diferentes equipamentos? A resposta está na unificação. A partir desse novo chipset, os fabricantes de automóveis ganham a possibilidade de embutir nos carros inteligência e conectividade inéditas.

Essa conectividade unificada ganhou uma sigla: C-V2X. Em inglês, Cellular Vehicle to Everything. Em bom português, algo como Veículo conectado a tudo.

Estar conectado a tudo significa, por exemplo, que o carro precisa ser capaz de se comunicar com o semáforo, com redes celulares, com a estrada, com outros carros e até com satélites, indo muito além das simples localizações por GPS que já são comuns hoje em dia.

O 5G se aproxima. E ele deve oferecer soluções de conexão muito mais eficientes que as atuais. Mas, até que as novas redes se tornem realidade, é preciso encontrar meios que garantam a compatibilidade tanto com o que já existe hoje em dia como com o que ainda estão por vir.

O caminho para o futuro dos carros já tem seu mapa traçado. E alguns pontos na rota são super emblemáticos, como a chegada da o novo chipset para C-V2X da Qualcomm. Acompanhe conosco as próximas etapas dessa jornada!

Mais informações acesse…

Fonte: Olhar Digital

Conheça a TV ‘papel de parede’ da LG que chega ao Brasil por R$ 40 mil

cxcxcxcx

A LG anunciou duas novas linhas de TVs premium no Brasil. Focadas em públicos diferentes, as TVs têm propósitos parecidos: elas são grandes, superfinas e servem até como itens de decoração da sala.

A SmarTV Signature W8 é a televisão mais avançada da fabricante. Ela vem com tela OLED de 65 polegadas, resolução 4K e suporte a três padrões HDR e Dolby Vision.  Com espessura de apenas 4 milímetros, a TV se parece com um cartaz colado na parede. Por causa disso, ela ganhou o apelido de wallpaper.

A LG revelou ainda a linha C8, menos potente que a Signature. Com versões de 55 e 65 polegadas, a TV também é bastante fina mas traz um design mais tradicional. A tela OLED tem resolução 4K e o processador é o mesmo do modelo mais avançado: o Alpha 9, com recursos de inteligência artificial.

Agora, você deve estar se perguntando: e os preços? A top de linha Signature W8 será vendida a partir de 40 mil reais, enquanto a C8 custará 8 mil reais no modelo de 55 polegadas e 18 mil reais no de 65 polegadas. As TVs estarão disponíveis nas lojas em junho.

 

Fonte: Olhar digital

Como descobrir as pastas que mais consomem o HD no Windows

2

No Windows, é comum ficar sem espaço ao utilizar a máquina por muito tempo. Às vezes, os downloads são armazenados em pastas diferentes, deixando o usuário confuso. Veja abaixo como identificar quais pastas estão consumindo mais espaço no HD.

Para verificar o que está gastando espaço no seu HD, o próprio Windows conta com um recurso para esta tarefa. Siga os passos:

  1. Abra o “Menu Iniciar” e vá até “Configurações”;

    Reprodução

  2. Clique em Sistema;

    Reprodução

  3. No menu da direita, procure por “Armazenamento”;

    Reprodução

  4. Agora, o Windows listará todos os HDs que você possui. Selecione o desejado;

    Reprodução

  5. Clique em “Outros”.

    Reprodução

Nesta tela, você verá quais são as pastas que estão consumindo mais espaço em sua máquina. Se você der um clique sobre uma delas, será levado automaticamente para a pasta no Windows Explorer.

Vale ressaltar que após o quarto passo deste tutorial, são exibidos na tela os itens que consomem mais espaço em seu HD, como arquivos temporários, por exemplo, e não apenas as pastas. Ao clicar em uma das opções, você é levado até elas e pode liberar ainda mais espaço.

Com estes dois recursos do Windows ficará mais fácil liberar espaço em sua máquina, sem precisar recorrer a aplicativos específicos para estas tarefas.

Fonte: Olhar Digital