Ferramenta do Google já identifica câncer melhor do que os médicos

Já faz algum tempo que o Google está trabalhando em tecnologias que possam ajudar os médicos a identificarem doenças em seus pacientes. Agora, um software criado pela empresa norte-americana promete detectar tumores cancerígenos até melhor do que os próprios profissionais de medicina.

A revelação foi dada em um artigo científico publicado próprio Google que explica os métodos utilizados. O mais surpreendente é que a companhia está utilizando uma versão adaptada do sistema de reconhecimento de imagens que havia sido desenvolvido para projetar carros autônomos.

Esse tipo de ferramenta consegue capturar imagens de alta resolução do corpo dos pacientes e, com isso, fazer a busca por focos da doença em cada pixel da imagem.

Os resultados mais recentes mostram que o método obteve 89% de taxa de acerto, contra 73% dos médicos. Mesmo assim, a previsão é de que a tecnologia não substitua os médicos, mas trabalhe junto com eles para aumentar a velocidade e a precisão dos diagnósticos.

No caso do software do Google, ele vai realizar uma análise para identificar os pontos em que o paciente pode estar desenvolvendo células cancerígenas. Depois disso, o médico vai validar as informações e tomar a melhor decisão de tratamento.

O sucesso no tratamento do câncer está ligado, entre outros fatores, ao estágio em que a doença foi identificada. Se diagnosticada logo no começo, há mais opções de tratamentos e algumas delas não são tão agressivas como a quimioterapia, por exemplo.

Fonte: Olhar Digital

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s